terça-feira, setembro 08, 2009

07/09

Entrei, portanto, na minha última semana de férias, mas felizmente a diversão e a escassez de preocupações próprias do Verão parece ainda não ter chegado ao fim. Quarta-feira rumo à Nazaré com alguns amigos, para aqueles que se adivinham ser uns dias muito bem passados, apesar de o fim-de-semana se adivinhar um dos mais stressantes: em príncipio ainda na noite de Sábado serão divulgadas as colocações do ensino superior e, portanto, independentemente do veredicto, no Domingo lá vou eu de malinhas aviadas para outra cidade qualquer.
Mas confesso que não deixo de estar ansiosa relativamente às próximas semanas...a azáfama de sempre, as correrias de um lado para o outro, novas caras, as praxes, a integração e obviamente a mesma animação de sempre.
Passo o ano a aclamar pelas férias mas a verdade é que sinto que os anos de vida académica são, de facto, dos melhores da nossa vida.
Mas tenho ainda um mea culpa a assumir. Tenho o péssimo hábito de subestimar quase tudo o que tenho. Felizmente, há quem faça questão de me ir lembrando que, no que toca a amizades, tenho as melhores do mundo. Hoje, foi mais um desses dias...

4 comentários:

matilde disse...

adorei, está amoroso (:

Débra disse...

está mesmo maravilhoso.

matilde disse...

ainda bem que gostas-te, querida :)

AdrianaLomba disse...

Férias sao quando uma pessoa quiser , e concordo qnd dizes qe anos académicos devem ser os melhores, hei-de lá chegar ;b
Gostei do blog , beijinho *